Espanha '21 (parte #4) - Sitges e Barcelona



Dia 20 de Agosto (dia #8 de viagem)


Uma surpresa

Dia de Viagem. De Valencia a Barcelona são cerca de 350 km, ou seja, 3h30 de viagem. Nada de especial. Saímos ainda de manhã, depois do pequeno-almoço e de devolvermos as bicicletas. Fomos surpreendidos pela DodoBike com uma oferta muito especial pelo aniversário da nossa Beatriz. O dono da empresa fez um porta-chaves com peças de uma corrente de bicicleta, colocando no centro uma moeda, e ficou lindo. Ficámos de coração cheio.



Sitges... mais um bónus

Malas arrumadas, e estávamos prontos para seguir para o nosso próximo destino, Barcelona. Seguimos em direção a Barcelona, mas com o objetivo de almoçar pelo caminho e parar em Sitges, a pouco mais de 30 minutos da capital da Catalunha. Bela tarde de praia. Uma cidade pitoresca e calma. Uma vez mais, água a 26⁰ para nos fazer ficar a cozer no mar...


Ao final da tarde, com temperaturas normalizadas e energias renovadas, lá seguimos então para Barcelona. Jantámos num spot muito divertido, a Casa Cabo, onde tocavam música brasileira ao vivo. A simpatia, o ambiente, a decoração e a excelente comida tornaram esta primeira noite em Barcelona perfeita. Para fechar, fizemos uma caminhada até à Sagrada Família, que ficava a pouco mais de 5 minutos do nosso hotel. Maravilha.

Dia 21 de Agosto (dia #9 de viagem)


Querem adivinhar o que fizemos? Acertaram! Foi dia de conhecer Barcelona a pé! Foram 13 km no total. Saímos do nosso hotel em direção à praça da Catalunha. Depois, subimos até La Pedrera, passando pela Casa Batló no regresso à praça da Catalunha, onde almoçamos. De tarde, fomos passear pelas Ramblas, visitamos o mercado La Boqueria, a Marina, Port Veil e o Bairro Gótico.

Pelo meio, quando descansávamos num relvado no final das Ramblas, o primeiro ataque de pombos sofrido na nossa viagem. Coisa pouca... mas era um aviso para o que aí vinha!


O rooftop do Hotel Cólon

Já bastante cansados, decidimos sentarmo-nos numa esplanada em frente à catedral de Barcelona. Entre a impaciência de quem estava mais cansado e a racionalidade de quem não se queria sentar onde uma cerveja custasse uma fortuna, lá acabámos por nos sentar na esplanada de um hotel. Uma vista linda, só verdadeiramente apreciada quando nos sentamos e conseguimos saborear uma bebida fresca. Cinco minutos depois de nos sentarmos, percebemos que o hotel tinha um rooftop com vista para a Catedral. Podemos? Não podemos? Pegámos todos nos copos que tínhamos, apanhamos o elevador e fomos para o rooftop. Que descoberta. Que vista e que fim de tarde. Estivemos lá quase duas horas, recarregamos energias, bebemos, comemos e seguimos viagem, já sem dores nas pernas ou nos joelhos. Foi no hotel Cólon. Vale mesmo a pena subirem. A entrada é livre e a vista para a Catedral é soberba. Por vezes, do nada, descobrimos estas pérolas. Viajar é isto.


Dia 22 de Agosto (dia #10 de viagem)


Sightseeing

Já com o grupo completo (juntaram-se a nós 3 amigos para o resto da roadtrip) foi dia de conhecer Barcelona de uma forma que também gostamos muito. Autocarros do tipo "Hop on Hop off". É uma forma "rápida" de ter uma perspetiva global da cidade e da sua história. Outra vantagem é que serve de meio de transporte entre pontos de interesse. Barcelona tem várias opções, mas a que escolhemos tem duas linhas, e assim conseguimos passar por todos os locais emblemáticos da cidade, saindo apenas do autocarro para ver mais de perto algumas atrações previamente selecionadas. Escolhemos a Barcelona City Tour, instalámos a app e tivemos 10% de desconto. Pagámos 27€ por pessoa. Podemos entrar e sair as vezes que quisermos, até às 19h00. O bilhete inclui a entrega de auscultadores, por forma a podermos acompanhar o guia, que existe em diversas línguas, inclusive português.



Barceloneta

No final do dia, cansados do calor, decidimos ir dar um mergulho em Barceloneta. É uma praia diferente das que temos visto. Grande, muito grande, com muita gente, alguma sujidade, mas ótima para descontrair por uma ou duas horas entre mergulhos e mojitos. Escolham a praia do lado esquerdo do pontão. É um pouco mais calma.


Jantámos na praia e ficamos surpreendidos com a movida da noite logo a partir das 20h. UAU. Malta toda produzida e as famosas discos da praia em alta. Mas também vimos a polícia equipada até aos dentes e uma detenção. Não vimos nada de especial, mas diariamente, durante toda a roadtrip, quando ligávamos a televisão para ouvir notícias, Barcelona era sempre mencionada pelos ajuntamentos noturnos junto à praia e consequentes desacatos com a polícia.

Dia 23 de Agosto (dia #11 de viagem)


Dia de partir mais para norte, para o país Basco. Esperáva-nos um longa viagem entre Barcelona e Bilbao, 611 km e cerca de 6h00 de viagem. Por isso mesmo, optámos por uma paragem prolongada a meio para almoçar. Saragoça.


Acompanhem o resto da nossa Spanish Roadtrip 2021.

Vejam as várias partes desta aventura

Parte #1 (13 a 15) - Jerez de La Frontera, Cádis e Puerto de Santa Maria

Parte #2 (15 a 17) - Granada

Parte #3 (17 a 20) - Valencia

Parte #4 (20 a 23) - Barcelona

Parte #5 (23 a 26) - Saragoça, Bilbao e San Sebastian

Parte #6 (26 a 29) - Madrid

Espanha '21 - Onde dormir

31 visualizações0 comentário